Humor: TODA A VERDADE SOBRE OS PERSONAGENS DA NOSSA INFÂNCIA

TODA A VERDADE SOBRE OS PERSONAGENS DA NOSSA INFÂNCIA…
…e que não percebíamos na nossa ingenuidade …

1 – GARGAMEL – Provavelmente usuário de LSD. Fica a vida inteira perseguindo homenzinhos azuis com roupas brancas com tendências claramente homossexuais e abusando mentalmente seu gato. Aliás, pra que ele queria pegar os smurfs ??


2 – PATOLINO – Se ele não usa crack, a Vera Fisher é uma freira. O cara é tão ligadão que consegue ficar pulando, batendo a cabeça no chão sem sentir dor, falando o tempo todo feito um louco.


3 – SALSICHA – Suspeito n º 1, típico maconheiro. É só ver as roupas,o cabelo, o cavanhaque, o fato de ele conversar com cachorros, sofre de fome crônica e tá sempre batendo uma larica. O Scooby é cúmplice. Alguém que consegue comer, em média, 93 biscoitos de cachorro por episódio não pode ser normal. Isso sem falar naquele furgão psicodélico em que eles se trancavam pra fumar um.


4 – HOMEM ARANHA – Vivia em eterno conflito por não assumir sua homossexualidade, o que inclusive o fazia ter um apego quase doentio pela figura materna. Chegou até a forjar um casamento, que obviamente não vingou.


5 – BATMAN & ROBIN – Essa é a dupla homossexual mais bandeirosa do mundo dos super-heróis. (Tanto que na versão original, várias coisas consideradas muito “gays” foram cortadas posteriormente, como a “dança do Batman”,lembram ?) Batman era o “solteirão” que curtia meninos bem novos, mas quem duvida que aquela confiança e cumplicidade com o “mordomo” não escondia algo mais ? O “mordomo” é quem na verdade bancava toda aquela trip de herói !!!


6 – ROLO – Bicho grilo, não saiu da década de 70. Anda descalço, de sandálias, cabelo encaracolado de tão sujo e barba comprida, fica o dia inteiro tocando violão e não trabalha. Precisa dizer mais alguma coisa ??


7 – ZÉ COLMÉIA E CATATAU – Qualquer um sabe o que tem nas cestas de piquenique. Senão, como é que você explica aquela obsessão em roubar as cestas apesar do guarda florestal estar sempre em cima ? Os caras voltam pra caverna e começam a viajar.


8 – HE-MAN – Esse é fácil. Consumidor número um de esteróides, foi um dos precursores da “barbie lifestyle”. Aquele grito “PELOS PODERES DE GAYQUESOU!! Era muita bandeira… O cara fica naquele castelo, puxando ferro, injetando anabolizantes até no tigre dele. E o Esqueleto, tinha um caso mal resolvido com ele, (lembram daquela risada super aviadada ?) Então o tempo todo ficava tentando uma vingancinha…


9 – ALICE – Comeu um cogumelo no país das maravilhas e ficou
tri-louca, fumando uma marica com a centopéia… o desenho Disney  mais lisérgico da história…


10 – POPEYE – Cara zarôlho de tanto fumar marola. Tá na cara que é isso o que tem naquele cachimbo, e ele ainda reforça com a erva em lata. Só pode ser. Pois, como é que pode aquele nanico não ter medo do Brutus?

By anubis22rj Posted in humor

Cinema: Da vida real para o cinema: as mulheres que mereceram homenagens da sétima arte

Relembre os filmes que contam as histórias de vida de brasileiras e estrangeiras que se tornaram inesquecíveis por sua coragem, talento e comportamento transgressor.

  ÉDITH PIAF EM “PIAF – UM HINO AO AMOR” (2007): a vida da francesa Édith Piaf (Marion Cottilard) nunca foi fácil. Pobre, abandonada pela mãe e morando com o pai alcoólatra, ela superou obstáculos para realizar o sonho de se tornar uma cantora de sucesso
 COCO CHANEL EM “COCO ANTES DE CHANEL” (2009): o filme mostra a infância difícil e a juventude de descobertas e muito trabalho de Gabrielle Chanel, interpretada por Audrey Tautou, antes de se tornar uma estilista ousada, vanguardista e de renome mundial
 MARGARET THATCHER EM “A DAMA DE FERRO” (2011): Meryl Streep recebeu o Oscar 2012 de Melhor Atriz ao levar para o cinema a história da primeira mulher a se tornar primeira-ministra do Reino Unido
 RAINHA ELIZABETH I EM “ELIZABETH” (1998): a biografia da herdeira do trono inglês, que assumiu como rainha em 1558 em um período conturbado, contou com Cate Blanchett no papel de protagonista
 ERIN BROCKOVICH EM “ERIN BROCKOVICH, UMA MULHER DE TALENTO” (2000): a norte-americana solucionou sozinha um caso sério de envenenamento de centenas de famílias na Califórina. Julia Roberts, a intérprete de Erin, ganhou o Oscar 2011 de Melhor Atriz
 MARILYN MONROE EM “SETE DIAS COM MARILYN” (2011): Michelle Williams estrelou o filme que mostra o envolvimento de Marilyn com um assistente de filmagem de um de seus longas. Ele lhe apresenta uma vida longe da pressão do trabalho e dos holofotes
FRIDA KAHLO EM “FRIDA”(2002): Salma Hayek ficou parecidíssima com a biografada, a talentosa artista mexicana Frida KaHlo. Sua história ficou marcada pelo casamento com o pintor Diego Rivera e por suas atitudes, que romperam com as amarras sociais da época
MARIA ANTONIETA EM “MARIA ANTONIETA” (2006): o filme conta a história da jovem rainha da França do século XVIII, papel de Kirsten Dunst. Enviada ainda adolescente para se casar com o príncipe Luis XVI, ela cria um universo à parte para poder se divertir 
MARIANE PEARL EM “O PREÇO DA CORAGEM”(2007): o longa, que tem Angelina Jolie no papel de protagonista, conta a história da jornalista francesa que tenta salvar seu marido, o repórter do The Wall Street Journal, Daniel Pearl, de terroristas do Paquistão
OLGA BENÁRIO PRESTES EM “OLGA” (2004): emocionante biografia da militante comunista, apaixonada por Luis Carlos Prestes, e que é levada para um campo de concentração alemão aos 7 meses de gravidez. Camila Morgado é quem dá vida a Olga no longa
 VIRGINIA WOOLF EM “AS HORAS” (2002): Nicole Kidman ficou irreconhecível ao interpretar a famosa escritora inglesa no filme que mescla histórias ficcionais e uma personagem fictícia com a vida de Virginia Woolf
 
 ZULEIKA ANGEL JONES EM “ZUZU ANGEL” (2006): Patrícia Pillar interpretou a estilista brasileira, que lutou até a morte para descobrir o paradeiro de seu filho Stuart Angel Jones, militante político, torturado e assassinado pela ditadura militar brasileira
 
By anubis22rj Posted in Cinema

Lembra dela? Rosiane Pinheiro vai à praia e mostra demais.

Sucesso na década de 90 como dançarina do grupo de axé Gang do Samba, modelo e bailarina apareceu mais cheinha em praia de Salvador

Rosiane Pinheiro fez sucesso na década de 90 como dançarina do grupo de axé Gang do Samba. A modelo e bailarina, que no auge da carreira fez participações em programas globais como “Turma do Didi” e “Casseta & Planeta”, andava sumida nos últimos anos, mas ressurgiu em uma praia de Salvador nesta quinta-feira (23).

Com um corpo mais cheinho do que exibia nos áureos tempos, Rosiane, que foi capa da “Playboy” em julho de 1998 e chegou a ser considerada uma das 100 mulheres mais sexy do mundo, se divertiu no mar enquanto era observada na areia pelo marido, Alan Mata.

Em certo momento de empolgação, a ex-namorada do lutador baiano Popó acabou por mostrar os seios após uma onda mais forte. Pouco depois, fez alongamentos na areia com a ajuda do marido.

Atriz e cantora

Em entrevista a Revista QUEM, Rosiane falou sobre sua carreira. “Atualmente tenho minha própria banda, ‘O Bumm’, trabalho como repórter no programa ‘Universo Axé’ e vou fazer uma peça de Jorge Amado em breve. Além disso, vou estrear ainda este ano no filme ‘Terra Payaypa’”, comentou  a atriz, que não deixou a dança de lado.

“Agora eu sou cantora, mas sempre que me apresento alguém pede para eu dar uma dançadinha e eu danço com prazer. Dançar é uma arte maravilhosa, é uma coisa que não quero deixar nunca”, explicou.

Novo ensaio nu

Rosiane também lembrou os tempos da “Playboy”. “Fiz as fotos no Outeiro das Brisas, em Caraíva (BA), foram fotos lindíssimas, eu não me arrependo nem um pouco. Foi um sonho realizado. Todo mundo que trabalha como modelo tem o sonho de fazer um trabalho de projeção nacional, e eu tinha esse sonho de posar nua e realizei”, afirmou a dançarina, que não descarta um novo ensaio nu.

“Não tinha pensado nisso, mas se a proposta for boa eu não descarto não. O marido não é ciumento, ele já me conheceu assim, dançarina”, garantiu Rosiane, que também falou sobre o desejo de ter filhos.

“Eu ainda não tive filhos, mas pretendo para daqui um dois ou três anos. Acho que é uma coisa que exige planejamento, mas já estou me programando”, garantiu.


Placas 2013

FAZER O QUE??? AQUI, NÓS TEMOS “PRESIDENTA” …
 
  
  
 
 
 
 

 
  
  
 

 

  
  
 
 
 
 
  
  
  
 

 
  
  
 

By anubis22rj Posted in humor

5 dicas para ter charme

Beleza é fundamental, já dizia o poetinha Vinícius de Moraes. Embora esse tipo de “verdade” possa irritar muito as mulheres, também elas sabem que precisam estar sempre bonitas para agradar. Por qual outro motivo frequentam tanto os salões de beleza, as academias, as lojas de cosméticos e de roupas? Quanto aos homens…Não, a beleza não é tão importante assim, mas ter charme é essencial.
A palavra “charme” vem do inglês e significa enfeitiçar, seduzir, ludibriar. Homens que têm charme estão sempre bem na fita com elas. Aqui, algumas dicas para adquirir esse recurso sedutor.
1-  O sorriso pode ser charmoso. A risada e, principalmente, a gargalhada, dificilmente. Também não adianta ficar sorrindo o tempo todo. É preciso saber escolher o momento certo de sorrir e fazê-lo com comedimento.
2- Olhar charmoso é um dos detalhes que mais chamam a atenção delas. E consiste basicamente e ter um olhar atento mas, ao mesmo tempo, lascivo, levemente preguiçoso, oblíquo.
3- Gestos são importantes. Nunca faça gestos exagerados e nem seja um robô. Os gestos têm de ser suaves e másculos ao mesmo tempo. Nunca aponte para nada e nem faça gestos de soco ou tapa.
4- Roupas também interferem no seu charme. Não adianta fazer o tipo todo arrumadinho ou completamente casual. Há sempre um meio termo de bom gosto e, claro, charmoso
5- A voz é um dos elementos que mais atraem as mulheres, principalmente quando são charmosas. Procure não aumentar excessivamente o tom de voz e nem abaixar.  Não sussurre nunca, a não ser nas horas íntimas. E procure falar apenas o necessário.

A Estratégia ACALME-SE contra a ansiedade.

A ansiedade é uma alteração do estado do humor que faz com as pessoas sintam-se perdendo o controle  sobre a sua capacidade de concentração, persistência, paciência, e muitas vezes pode provocar angústia. A maior dificuldade que uma pessoa com ansiedade enfrenta, é a de não conseguir relaxar, a pessoa permanece tensa, e por mais que se esforce não consegue se livrar dessa tensão. Existem muitas técnicas que podem ajudar a conseguir o relaxamento necessário. Quando é uma tensão ocasional pode-se recorrer à massoterapia, meditações, acunpuntura, medicações ou chás. Mas quando a tensão tem sua origem intrapsíquica e percebe-se que é resistente aos demais recursos, deve-se recorrer ao auxílio de um psicoterapeuta treinado e experiente em realizar relaxamentos.  Uma técnica que as pessoas podem praticar sozinhas, sem o auxílio de um psicoterapeuta é a Estratégia do Acalme-se. Essa técnica pode ser usada em qualquer local, basta que a pessoa aprenda o seu passo a passo.

A chave para lidar com um estado de ansiedade é aceitá-lo totalmente. Permanecer no presente e aceitar sua ansiedade fazem-na desaparecer. Para lidar com sucesso com sua ansiedade, você pode utilizar a estratégia “ACALME-SE” de oito passos. Usando-a você estará apto a aceitar a sua ansiedade até que ela desapareça.

ACALME-SE

Aceite a sua ansiedade. Um dicionário define aceitar como dar “consentimento em receber”. Concorde em receber as suas sensações de ansiedade. Mesmo que lhe pareça absurdo no momento, aceite as sensações em seu corpo assim como você acietaria em sua casa um hóspede inesperado e desconhecido ou uma dor incômoda. Substitua seu medo, raiva e rejeição por aceitação. Não lute contra as sensações. Resistindo, você estará prolongando e intensificando o seu desconforto. Ao invés disso, flua com ela.
Contemple as coisas à sua volta. Não fique olhando para dentro de você, observando tudo e cada coisa que sente. Deixe acontecer com o seu corpo o que ele quiser, sem julgamento: nem bom, nem mau. Olhe à sua volta, observando cada detalhe da situação em que você está. Descreva-os minuciosamente para você, como um meio de afastar-se de sua observação interna. Lembre-se: você não é a sua ansiedade. Quanto mais puder separar-se de sua experiência interna e ligar-se nos acontecimentos externos, melhor se sentirá. Esteja com ansiedade, mas não seja ela; seja apenas observador.
Aja com sua ansiedade. Aja como se você não estivesse ansioso, isto é, funcione com suas sensações de ansiedade. Diminua o ritmo, a velocidade com que você faz as suas coisas, mas mantenha-se ativo! Não se desespere, interrompendo tudo para fugir. Se fugir, a sua ansiedade diminuirá, mas o seu medo aumentará, donde na próxima vez será pior. Se você fica onde está – e continuar fazendo as suas coisas – tanto a sua ansiedade quanto o seu medo diminuirão. Continue agindo, bem devagar!
Libere o ar de seus pulmões, bem devagar! Respire bem devagar, calmamente, inspirando pouco ar pelo nariz e expirando longa e suavemente pela boca. Conte até três, devagarinho, na inspiração, outra vez até três prendendo um pouco a respiração e até seis na expiração. Faça o ar ir para o seu abdome, estufando-o ao inspirar e deixando-o contrair-se ao expirar. Não encha os pulmões. Ao exalar, não sopre: apenas deixe o ar sair lentamente pela boca. Procure descobrir o ritmo ideal de sua respiração, nesse estilo e nesse ritmo, e você descobrirá como isso é agradável.
Mantenha os passos anteriores. Repita cada um, passo a passo. Continue a (1) aceitar sua ansiedade; (2) contemplar; (3)agir com ela; (4) respirar calma e suavemente até que ela diminua e atinja um nível confortável. E ela irá, se você continuar repetindo estes quatro passos:aceitar, contemplar, agir e respirar.
Examine seus pensamentos. Talvez você esteja antecipando coisas catastróficas. Você sabe que elas não acontecem. Você já passou por isso muitas vezes e sabe que nunca aconteceu nada do que pensou que aconteceria. Examine o que você está dizendo para si mesmo e reflita racionalmente para ver se o que pensa é verdade ou não: você tem provas sobre o que pensa é verdade? Ha outras maneiras de entender o que lhe está acontecedo? Lembre-se: você está apenas ansioso – isto pode ser desagradável, mas não é perigoso. Você está pensando que está em perigo, mas tem provas reais e definitivas disso?
Sorria, você conseguiu! Você merece todo o seu crédito e todo o seu reconhecimento. Você conseguiu, sozinho e com seus próprios recursos, traquilizar-se e superar esse momento. Não é uma vitória, pois não havia um inimigo, apenas um visitante de hábitos estranhos que você passou a compreender e aceitar melhor. Você agora saberá lidar com visitantes estranhos.
Espere o futuro com aceitação. Livre-se do pensamento mágico de que você terá se livrado definitivamente, para sempre de sua ansiedade. Ela é necessária para você viver e continuar vivo. Em vez de considerar-se livre dela, surpreenda-se como a maneja, como acabou de fazer agora. Esperando a ocorrencia de ansiedade no futuro, você estará em uma boa posição para lidar com ela novamente.

Desejo à todos

BONS PENSAMENTOS E BONS SENTIMENTOS!